Arquivos do Blog

O mapa da segregação democrática nos EUA em 2012

Tropecei nesse mapa aí esses dias e fiquei de cara. Cerca de 150 anos não mudaram muita coisa em alguns aspectos estadunidenses. O cara aí comparou quais eram os territórios que lutavam pela manutenção da escravidão às vésperas da Guerra da Secessão, os estados que mantinham leis segregacionistas nos anos 50 e a divisão dos votos entre democratas e republicanos através dos estados nas eleições presidenciais de dias atrás. Surpresa? A mancha conservadora que arrasta a perna coxa da segregação racial desenha no país o mesmo mapa de um século e meio atrás.
Agora, por outro viés, o pragmático, na perspectiva político-econômica Obama e Romney não se distanciaram muito, estavam muito mais próximos do que seus discursos tentaram mostrar. O que faz pensar que esse conservadorismo proto-fascista não é um gene defeituoso dos republicanos e está mais pruma influenza sazonal e letal, que se propaga assim, no ar – quando não há outro pra respirar.

[WTF] Quando até o dicionário é racista…

“Audrey teve problemas com sua família

quando descobriram que ela estava vendo um homem negro.”

Vi aqui.

Machado de Assis meio desbotado…

Dessa vez o vídeo não é meu, mas o mote é o mesmo. O mulato Machado deu lugar a um tiozinho desbotado e bonachão. E aí? Racismo? PS.: Não afirmo mais nada… mas acho um absurdo, isso aí.

Preconceito é assim! Quando o racismo quase passa despercebido…

Durante a final da dança dos famosos, Rodrigo Lombardi faz um comentário sobre Sammy Davis Jr. Para “ilustrar” que Sammy era genial Lombardi se refere a ele assim: “dois metros de altura, loiro, de olho azul”.
Preconceito é assim, quando nossos valores de beleza, graça, maestria e genialidade pertencem intrinsecamente a um estereótipo racial.
Este vídeo não é nenhum ataque ao ator Rodrigo Lombardi. O objetivo é fazer uma reflexão sobre o quão cotidiano é nosso preconceito. Diriamente muitos se manifestam com os mesmos argumentos como se não trouxessem mal algum, mas são esses atos falhos que alimentam nossos preconceitos. Vamos rever os nossos valores.
Preconceito! Elimine o seu!

Atualização: Essa parada tá dando altas treta no Youtube… Dá um bico lá e e comenta!

%d blogueiros gostam disto: